FAMÍLIA VICENTINA

Muitos são aqueles que continuam a dar vida ao carisma instituído por Vicente de Paulo há 400 anos. Uma família que vai crescendo ao longo da história, procurando actualizar o carisma vicentino à luz dos sinais dos tempos. Em Portugal, esta Família constitui-se com os seguintes ramos: 

ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DAS CARIDADES

Atento ao clamor dos pobres, em 1617, S. Vicente de Paulo funda as Confrarias da Caridade, maioritariamente constituídas por mulheres (é de notar que foi esse o primeiro grupo leigo deste género). Hoje conhecemos essas Confrarias da Caridade como AIC. Tal como no momento da fundação, a sua finalidade é profunda comunhão com Jesus Cristo e a sua santa Mãe, visível na assistência aos pobres doentes, corporal e espiritualmente. Para isso, os diversos grupos assumem uma concreta luta contra a pobreza, prestando atenção especial à pessoa do pobre; uma contínua atenção aos sinais dos tempos; uma promoção e defesa dos direitos humanos; e com acções em prol da transformação cultural.

SAIBA MAIS >>

FILHAS DA CARIDADE

S. Vicente de Paulo, preocupado com a extrema pobreza que via à sua volta, em colaboração com S. Luísa de Marillac, funda a Companhia das Filhas da Caridade. A 23 de Novembro de 1633, Santa Luísa e S. Vicente juntamente com Margarida Naseau fazem da Caridade uma acção diária, permanente e de entrega total: A partir das Confrarias da Caridade, nasce um grupo de mulheres que, consagradas, vão pelas ruas ao encontro de Deus no rosto dos mais pobres...

 

Rapidamente o espírito da caridade se tornou missionário e as Filhas da Caridade foram chegando, ano após ano, aos mais diversos continentes e países. Estabelecem-se em Portugal no ano de 1858 e estão, hoje, presentes em todo o país procurando actualizar o carisma vicentino através das mais diversas obras... 

SAIBA MAIS >>

ASSOCIAÇÃO DA MEDALHA MILAGROSA

Em 1830 Catarina Labouré foi surpreendida pelas visitas de Nossa Senhora na Capela da Rue du Bac em Paris. Dessas aparições  nasceu a Medalha Milagrosa cujo uso se espalhou rapidamente por todo o mundo. «Usai esta Medalha com confiança. As graças serão concedidas em abundância a quem a trouxer ao pescoço». Partindo destas aparições, em 1909 foi constituída a Associação da Medalha Milagrosa, que foi aprovada pelo Papa Pio X.

 

Actualmente, os 800 000 membros da Associação encontram-se em 83 países. Em Portugal, desde 2002 existem aproximadamente 1 000 membros: 8 núcleos espalhados pelo Continente e Madeira; 3 núcleos em comunidades portuguesas no exterior: USA, Austrália e África do Sul. 

SAIBA MAIS >>

JUVENTUDE MARIANA VICENTINA

A JMV nasceu em 1847 sob influência das aparições de Nossa Senhora a Santa Catarina Labouré em 1830. Para quê? Para formar os jovens na vivência de uma fé sólida no seguimento de Jesus Cristo Evangelizador dos Pobres; Viver e orar como Maria na simplicidade e humildade; Suscitar, animar e manter o espírito missionário na Associação, sobretudo através  de experiências missionárias entre os mais pobres e os jovens;

Preparar os seus membros, individual e comunitariamente, para  colaborarem na sociedade, seguindo as orientações da Igreja universal e local.

 

Para concretizar esta identidade, a JMV procura contemplar a Vida para nela descobrir os sinais da Presença de Jesus Cristo e servir humildemente onde estiverem. Isto é visível no seu funcionamento como Associação que é: Eclesial, em comunhão com  a Igreja;

Laical, formada por leigos; Mariana, Inspirada por Maria; Vicentina, inspira-se no carisma de S. Vicente de Paulo, isto é, evangelização e serviço dos pobres.

 

Actualmente, a JMV encontra-se em 45 Países, espalhados pelos 5 continentes. Em Portugal estão divididos por 3 zonas: Norte, Centro, Sul.

SAIBA MAIS >>

SOCIEDADE DE SÃO VICENTE DE PAULO

A SSVP foi fundada pelo Beato Frederico Ozanam e cinco companheiros com o apoio de uma Filha da Caridade, Rosália Rendu, em 23 de Abril de 1833. O coração destes jovens batia mais forte diante da exclusão social e não conseguiram ficar indiferentes à pobreza que encontravam. Daqui até à fundação de um grupo socio-caritativo "foi um passo": Amar, partilhar e servir os mais desfavorecidos com humildade, espírito de pobreza, alegria, juventude, criatividade, dinamismo e ousadia. Para isso, servem através das visitas domiciliárias que são complementadas com outras obras; ajuda em alimentos; desenvolvimento em múltiplas estruturas: escolas, hospitais para os pobres, casas para idosos, orfanatos, etc...      

 

Actualmente, os 960 000 membros da Sociedade encontram-se em 135 países nos 5 continentes. Em Portugal, estão presentes em todas as dioceses.

SAIBA MAIS >>

COLABORADORES DA MISSÃO VICENTINA

Nasceram em 1996 no seio da Congregação da Missão em Portugal com a finalidade de «seguir Jesus Cristo enviado do Pai, Missionário de Deus»: cultivar a convicção de que estar na Missão Vicentina é estar na Missão de Jesus Cristo.

 

Concretamente a sua missão passa por apoiar as Missões Populares, missão em Moçambique e a formação dos seminaristas vicentinos, através de: oração; participação nas Missões Populares; apoio económico; e outras formas de apostolado.

 

Actualmente, são aproximadamente 1 500 membros em Portugal, e estão presentes em várias regiões do país.

SOBRE NÓS

S. Vicente de Paulo, o santo da Caridade, é o fundador da Congregação da Missão. Presentes em todo o mundo, estamos em Portugal desde 1717. Talvez nos conheça como Padres Vicentinos, Lazaristas ou Padres da Missão.

LOCALIZAÇÃO

(+351) 213 422 102 | 217 263 370

 

Estrada da Luz, 112-1º

1600 - 162 Lisboa

 

comunicacaoppcm@gmail.com 

CONTACTE-NOS
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
APONTADORES

© 2020 por Província Portuguesa da Congregação da Missão.